sábado, 1 de julho de 2017

28. Os índios Tupinambá do estado de São Paulo

   

Além de lagos e rios, o povo Tupinambá se concentrava na área litorânea, o que facilitava o contato com o mar. Usavam longas canoas, não só para atividades de pesca, mas também para se aproximar das caravelas portuguesas na troca de mercadorias.
Entre seus costumes estavam as pinturas na cor preta, feita com jenipapo, ou vermelha, feita com urucum, além das penas de aves que eram usadas em cocares e em adornos que se pareciam com um rabo (característico dos tupinambás). As pinturas e os adornos tinham um significado especial na guerra e nos rituais de antropofagia.
Os Tupinambá também tinham animais domésticos, chamados de xerimbabos, que na língua tupi significa “minha coisa querida”. Os animais serviam para embelezar, como as araras, os tucanos e até os periquitos, ou para mostrar respeito à natureza – filhotes de macacos, por exemplo, eram adotados pela aldeia caso sua família tivesse sido morta por caçadores.
A sociedade era comandada pelos mais velhos, de quem partiam as decisões em relação ao grupo.
Apesar de terem raízes comuns, as diversas tribos que compunham a nação tupinambá lutavam constantemente entre si, movidas por um intenso desejo de vingança que resultava sempre em guerras sangrentas em que os prisioneiros eram capturados para serem devorados em rituais antropofágicos.

Os Tupinambá também tinham animais domésticos, chamados de xerimbabos, que na língua tupi significa “minha coisa querida”



Os Tupinambá também tinham animais domésticos, chamados de xerimbabos, que na língua tupi significa “minha coisa querida”



As armas de guerra dos tupinambás incluíam a borduna, tacape que funcionava como um martelo.





As armas de guerra dos tupinambás incluíam a borduna, tacape que funcionava como um martelo.



Os índios Tupinambá do estado de São Paulo



Os índios Tupinambá do estado de São Paulo



Entre seus costumes estavam as pinturas na cor preta




Entre seus costumes estavam as pinturas na cor preta




Glossário


Antropofagia: hábito de comer carne humana.




       


            












Recomendamos para você:


Amor é fogo que arde sem se ver

Wild Thoughts - DJ Khaled feat. Rihanna & Bryson Tiller

Wild Thoughts - Tradução em Português

Wild Thoughts - La traducción en Español

Wild Thoughts - Song Lyrics

Slippery - Migos Featuring Gucci Mane

Bad And Boujee - Migos Featuring Lil Uzi Vert

Closer - The Chainsmokers ft. Halsey

Mask Off - Future

Chill Bill - Rob $tone ft. J. Davi$ & Spooks

Sanderlei Silveira

Amor é fogo que arde sem se ver - Luís Vaz de Camões

Marabá Poema - Gonçalves Dias

Canção do exílio - Gonçalves Dias

Versos íntimos - Augusto dos Anjos

Ismalia - Alphonsus de Guimaraens

Luís Vaz de Camões

Sanderlei Silveira

Odisséia PDF – Homero

Iracema PDF – José de Alencar

Biblia Sagrada PDF - João Ferreira de Almeida

Os Miseráveis PDF – Victor Hugo

Macunaíma PDF - Mário de Andrade

Sanderlei Silveira

Mein Kampf PDF (Minha Luta) - Adolf Hitler

O Diário de Anne Frank PDF

The Diary of a Young Girl PDF

Le Journal d'Anne Frank - PDF

Os Miseráveis PDF - Victor Hugo

Relevo no estado de Santa Catarina SC

Relevo do estado de São Paulo SP

Relevo do estado de Mato Grosso do Sul MS

Relevo do estado do Paraná PR

O espaço geográfico e sua organização

Wild Thoughts - DJ Khaled feat. Rihanna & Bryson Tiller

Wild Thoughts - Tradução em Português

Wild Thoughts - La traducción en Español

SONG LYRICS

BÍBLIA ONLINE

DOM CASMURRO

O Diário de Anne Frank – Fotos

HISTÓRIA

by Sanderlei Silveira -  http://sanderlei.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário